O seu Dicionário Jurídico Online

O que é Advogado? Como ser um? História, Profissão, OAB

Um advogado trata-se de um representante que busca prestar auxílio perante a justiça, um defensor, patrono ou mesmo intercessor. A palavra encontra sua origem no latim, ad vocatus.

Após falarmos sobre temas como acordo de leniênciacondução coercitivaônus da sucumbência e prisão preventiva, chegou a hora de falarmos sobre a figura do advogado.

A profissão de advogado existe há muito tempo, sendo que o exercício da advocacia tem sido utilizado para representar e defender réus perante tribunais desde o período da Grécia Antiga e do Império Romano.

História e o Advogado

Conhecido como o jurisconsulto, o advogado era conhecido como “aquele que recorria”, o qual deveria solucionar da melhor maneira os conflitos existentes na Grécia Antiga.

Naquela época, a figura do primeiro advogado da Grécia, Demóstenes (384 a 322 a.C.), teria trabalhado para combater os projetos demasiadamente ambiciosos apresentados pelo rei da macedônia, Filipe.

Na história do direito, os advogados se fizeram presentes sempre que fosse necessária a representação de alguém. De reis ao proletariado, sua intercessão procurava garantir justiça e direitos a quem precisasse.

Profissão Advogado

A advocacia é uma profissão difundida mundialmente, com relevante importância no contexto da justiça mundial. Praticamente todas as áreas onde existem relações humanas necessitam de um advogado para desempenhar seu papel de gestor de conflitos jurídicos.

Conhecidos também como profissionais do direito, os advogados podem atuar nas áreas trabalhista, tributária, previdenciária, penal, civil, ambiental entre outras. Diferente do passando, hoje, o advogado atua mais no centro técnico-jurídico do que na garantia da cidadania, como costumava ser.

Os advogados trabalham hoje em dia com a representação de um réu. Cabe a eles atuarem no processo judicial como defensores do acusando, buscando comprovar a inocência de seu cliente perante o tribunal.

A defesa se dá através de sua intercessão e também da apresentação e análise de documentos que compõem os autos do processo.

Ordem dos Advogados do Brasil (OAB)

Para ser um profissional da advocacia e ganhar o título de advogado é necessário, no Brasil, possuir formação em ciências jurídicas (direito) e registro na respectiva entidade de classe, a Ordem dos Advogados do Brasil, conhecida como OAB.

Países como Portugal, França, Estados Unidos da América, Alemanha e Inglaterra, adotam um sistema análogo ao do Brasil, para promover juristas e advogados que pretendem atuar no âmbito jurídico.

Constituição de 1988 e o Advogado

constituição federal brasileira reconhece a profissão do advogado como indispensável à administração e à justiça nacional, conforme exposto no artigo 133, segue:

Art. 133 – O advogado é indispensável à administração da justiça, sendo inviolável por seus atos e manifestações no exercício da profissão, nos limites da lei.

Tal como os defensores públicos, juízes e promotores de justiça, o advogado faz parte do rol dos operadores do direito no Brasil.

Como ser um Advogado

Para se tornar um advogado é necessário que o interessado possua bacharelado em direito, também conhecido como ciências jurídicas. O curso costuma possuir 10 períodos (semestres) com duração aproximada de 5 (cinco) anos de estudo.

Vale ressaltar que o curso só será válido se a faculdade ou universidade a qual tiver cursado direito possuir registro no Ministério da Educação e Cultura (MEC) e o curso possuir aprovação do mesmo.

Além da formação na área, também se faz necessário possuir a famosa “carteirinha da OAB”, ou seja, estar devidamente inscrito na Ordem dos Advogados do Brasil para o efetivo exercício da profissão.

Faça uma Pergunta ou Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado.